Notícias

CEO - Tratamento de fenda palatina pós-cirúrgica através de prótese dentária

09/02/18 - 15:39:05 (Administrador)
Alterado em: 09/02/18 às 15:42:05 por Administrador

O câncer de palato, chamado popularmente de céu da boca, faz parte do conjunto de cânceres que afetam a cavidade bucal, normalmente associados no termo câncer de boca. A doença pode afetar qualquer área do palato, que se divide em duas: palato duro (parte mais avançada) e palato mole (parte mais profunda). O câncer de palato é mais raro que o câncer de lábios ou língua. É mais frequente entre homens acima dos 50 anos.

O tratamento do câncer de palato segue a linha de terapias disponíveis para outras formas de câncer e a definição entre as diferentes técnicas vai depender principalmente do estágio da doença. O tratamento pode ser feito com radioterapia, quimioterapia e procedimento cirúrgico para retirada das lesões.

Porém em alguns casos durante a remoção do tecido lesado, o procedimento cirúrgico pode não fechar totalmente a fenda, sendo esta persistente pós-cirurgia. Nestes casos, um aparelho parecido com uma dentadura (obturador) pode ser feito para encobrir a abertura e permitir que o paciente se alimente naturalmente.

No CEO em 2017 realizamos um trabalho como este. Em julho de 2017 o Sr. V.R. de 69 anos, veio até nós encaminhado para realizar uma prótese total superior, e no momento da consulta foi diagnosticado com fenda palatina pós-cirurgia de remoção de lesão e comunicação buco-sinusal. Tendo o paciente convivido nestas condições há aproximadamente 03 anos, desde seu procedimento cirúrgico, e apresentando queixas quanto a dificuldade de alimentação e de fala, a cirurgiã-dentista Dra. Francelise Rossoni propôs a confecção desta prótese obturadora.

Hoje fazem 03 (três) meses que o paciente faz uso da prótese satisfatoriamente, e familiares relataram a equipe do CEO:

“Ele está muito bem graças a Deus, ele está usando a prótese e agora ele senta junto com nós na mesa, antes ele sentava longe pois o nariz dele vazava muito, era de partir o coração”. “Você foi um anjo que apareceu na vida dele, só Deus para te recompensar”, diz a filha do paciente a nossa cirurgiã-dentista. Ela ainda acrescenta “É bom vocês publicarem, pois as pessoas podem ter esperança de que tudo pode dar certo, como foi com o meu pai que nunca desistiu”.

A existência de fenda palatina ou comunicação buco-sinusal, não é apenas uma alteração de caráter estético, como muitos acreditam, mas a causa de problemas de saúde como de caráter nutricional, respiratório, auditivo, dentário, e não menos importante problemas emocionais e de sociabilidade.

A Dra. Francelise Rossoni, responsável pelo caso declara que “Como profissional agradeço a coordenação e ao Ciscopar, que juntos lutaram para que pudéssemos ter uma equipe de profissionais integrada. Só assim podemos ofertar um trabalho que nos orgulhe! Obrigada pelas condições que me foram dadas para ter esse e outros tratamentos com resultado positivo!”.


Mural do Fotos